Causos

 

Cobra

Há algum tempo já ouço diversas histórias e estórias sobre os animais do Brasil e também algumas sobre os animais no resto do mundo, mas vou me ater aos brasileiros. São contos bem bolados e com narrativas impressionantes, cheias de emoção, comoção e superstição. Algumas absurdas, outras mais plausíveis, mas sempre com um que de misticismo.

Os animais do Brasil são nada mais nada menos do que fantásticos (isso sem nem um pingo de sarcasmo ou ironia, realidade pura), mas as pessoas conseguem fazer com que eles sejam ainda mais “ninjas” do que o habitual.

Um belo exemplo do que quero dizer é uma das miraculosas histórias que a minha avó me conta desde que me conheço por gente.

Dizia ela, que certa vez estava na roça, ainda menina, realizando seus afazeres para ajudar no sustento da casa, quando uma jararacussu cruzou seu caminho. Segundo ela a cobra estava enrolada atrás de um tronco caído pronta para lhe dar o bote, como se estivesse fazendo tocaia. A menina ao se deparar com aquela cobra, não pensou duas vezes, pegou um pedaço de bambu perto de onde estava e deu-lhe uma bambuzada na cabeça da jararacussu que desejava sua morte. Só que a cobra não morreu …

Jararacussu

… segundo minha avó a serpente correu atrás dela por mais de 2Km (distância do terreno onde ficava a roça até a casa onde ela morava) e se já não fosse absurdo demais, uma cobra tão vingativa e obstinada, ela vinha aos “pulos” – dava um bote, ficava na ponta da cauda e caia dando outro bote.

Chegando perto de casa, a jovem menina já cansada da correria resolveu dar um basta aquela perseguição e resolveu encarar a jararacussu. Foi atrás de um galho de árvore mais robusto e assim, devidamente armada, foi ao combate. Acho que a jararacussu deve ter ficado extremamente cansada depois da ‘correria’, porque ela jura que a cobra parou, se enrolou e ficou fitando ela até tomar a cacetada mortal.

Só que as jararacussus nunca estão sozinhas, sempre estão acompanhadas de outra da mesma espécie (andam em bando) e foi ai que o meu bisavô chegou para realmente salvar o dia. A cobra n°1 que foi morta na verdade a estava distraindo, para que a parceira dela pudesse chegar por trás e abocanhá-la com a intenção de matá-la, por puro ódio e vingança. Então meu bisavô matou a serpente n°2 e todos foram felizes para sempre.

Eu sempre ouvi esse conto e depois da sétima vez parei de tentar ir contra e dizer que isso era só um pouco exagerado. Mas até hoje quando toco no assunto de serpentes ouço as mesmas palavras e sempre vejo aquele olhar nostálgico, com um certo pavor que minha avó faz e me pergunto se não havia uma cobra n°3 que ao ver a chacina das amigas resolveu ficar quieta e voltar pra casa, triste e desconsolada, porém com juízo suficiente para viver um dia a mais.

 

Mande o seu causo para icosaedrow @ hotmail . com (separado por causa dos spammerz) com o título de causos que eu publico aqui os mais fantásticos.

Anúncios

~ por Ic0w em 16/02/2009.

Uma resposta to “Causos”

  1. caracaaa meuuuu nunca ri tanto de uma historia antiga assm na minha vida !!! muito boa essa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: